quinta-feira, 1 de abril de 2010

Campanha “Não assista BBB e mantenha sua inteligência”

10 anos de praga é demais! Quando aparece uma danada duma gripe suína (que nem mais assim eles a chamam) ela é rapidamente e intensamente combatida, parecendo até que seria uma Peste Negra dos nossos tempos que levaria a humanidade a seu fim em 2012.

Até o funk durou menos. A febre do Calipso também.

Me pergunto todos os dias por que o BBB dura tanto tempo. Nem lembro em qual série estudava 10 anos atrás. Naquela época os atleticanos ainda podiam zoar com os cruzeirenses alegando serem superiores, ou tão bons quanto, por terem sido campeões brasileiros e nós ainda não!

George Orwell deve revirar na cova cada vez que o Bial faz aqueles discursos de poesia de banheiro e quando os recordes de votos pra eliminação dos participantes são batidos. (Por que alguém gastaria o preço de um SMS pra votar nisso?!!)

Será que o Bial, bom jornalista que dizem que é, não vive em depressão profunda (maquiada por um coquetel de tarjas pretas) por apresentar um programa de tal nível e qualidade?!

Ouvi um comentário de um amigo a alguns BBBs atrás quando assistíamos o programa para ver umas beldades femininas (ta aí pelo menos uma razão do peso da audiência masculina desavisada). Ele disse: “O BBB suga a sua inteligência!”. E eu, na véspera do vestibular, nunca mais assisti. Vai que ele tinha razão....

No ano seguinte comecei a fazer uma pesquisa e constatei que tudo o que é absorvido em um dia inteiro de aprendizado se vai com apenas um programa do BBB. Pensando quantitativamente isso quer dizer que o retorno intelectual marginal de uma hora de aprendizado é infinitamente menor que o retorno (nesse caso defasagem) intelectual marginal de uma hora de BBB.

O pior de tudo é que em alguns dias pode ocorrer déficits de aprendizagem! Aos domingos, por exemplo, o indivíduo quer curtir o último dia de descanso na semana com uma cervejinha, almoço com a família, talvez até um clube... No final da noite, para coroar todo seu dia, ele vai e assiste uma hora de BBB, que lhe irá consumir um nível substancial de aprendizagem por ele adquirido ao longo da semana que passou.

Então, chegou a hora de interromper conversas de buteco sobre o assunto, desligar na tomada a TV que passa o programa e até dar sermão. Tudo isso pra conscientizar seus próximos de que isso faz mal, muito mal. Mas se você quer evitar indisposições, evite esses ambientes nessas circunstâncias. Vá ao banheiro, leia um livro ou mude de assunto.

Enfim, por essas e outras que eu lanço a campanha: “Não assista BBB e mantenha sua inteligência”. Se não gostou...

7 comentários:

Gari disse...

Ronaldão,
BBB já é endemia, não se expande mais, dura 3/4 meses, vem junto com as chuvas de verão, e, assim como a dengue, também acaba e temos o resto do ano de paz.
Mas fiquei convencido, estou com medo de perder a inteligência, ainda mais depois de ouvir falar de um "Seje homem!" lançado por um deles. Imagina uma criança vendo isso, uma mente como uma esponja, em plena alfabetização... Ainda bem que meu filho foi criado na fazenda!

Dentão disse...

Que isso Ronaldo?! BBB é muito bom. "É vida real", já diria minha conterrânea!

Mas falando sério, é um programa para entretenimento, como diversos seriados americanos, jogos de futebol, peças de teatro, shows, filmes, etc.

O BBB pode não ser dos mais instrutivos (e realmente não é), mas o que é absorvido (ou perdido) vai muito mais do discernimento de cada um. Não adianta desligar a TV se for para ler um livro ruim, ou para não entender o que um bom livro tem a dizer.

Sobre o Bial, bem, ele dá sentido a expressão "vergonha alheia", mas até que para um jornalista ele nem é tão ruim (hahahaha, ele é jornalista, hahahahaha).

Ah, e vale lembrar que toda cultura é inútil, o que determina sua validade é meramente a ocasião!

Bela disse...

Dentão! PERFEITO! Disse tudo! Até arrepiei aqui..

"toda cultura é inútil, o que determina sua validade é meramente a ocasião!"


Paf paf paf .. palmas..

Só sei q aprendi muito mais com o Bambam no primeiro BBB q durou 3 meses do que com o Ronaldão em 4 anos...

Abraços!

Modes disse...

Big Brother é só mais uma forma de entretenimento. E formas de se divertir não tem a obrigação de transmitirem conhecimento (e BBB até antecipa tendências: carro mais vendido da fiat, próxima capa da playboy ou próxima atriz da novela das 8!! importantíssimo isso!).

Cada um escolhe o que melhor convir para passar o tempo relaxando... com certeza minha escolha NÃO é BBB!

Ronaldão disse...

O argumento do entretenimento é muitíssimo válido!

Mas me intriga como espiar a vida dos outros e assistir ao Bambam chorando pq perdeu sua boneca entrete tanto o povo...

O Bela podia mandar um de seus textos pro Bial!!

Uirá disse...

Estou comentando atrasado. Mas devo dizer q o Silame tem razão no seu argumento. E o fato de q o BBB antecipa as tendências só diz o qto somos idiotas.

Não q não haja nada de bom no BBB, mas qdo a fórmula de sucesso começa a se esgotar a coisa tende a ficar cada vez mais apelativa e começam a aparecer coisas bizarras.

E o fato de q entretenimento não tem q transmitir conhecimento não significa q não haja limites a serem observados, qdo o bom senso é deixado de lado qualquer imbecil coloca uma melancia na cabeça e começa a fazer sucesso.

E, msm não querendo, qdo eu estou assistindo televisão é inevitável ver uma coisa igual o Serginho e todo mundo achando graça. São as externalidades negativas e elas não podem ser evitadas, imagina uma criança assistindo aquilo, muitos dirão q é dever dos pais filtrar o q seus filhos veem, mas qualquer um sabe q isso é praticamente impossível.

Fico na dúvida, é impossível impedir a imbecilização da nossa sociedade ou devemos apenas nos resignar e pensar q se não é o BBB então seria outra coisa a deixar as pessoas idiotas.

Por exemplo, o Silame ao q parece não assiste BBB, mas isso o torna mais ou menos idiota do q os q assistem?

Ronaldão disse...

Retaliando, justificavelmente, em baixo nível:

-Bela: aprendi algumas coisas com vc sim, e apesar de não tão importantes aí vão elas: i)não se esquecer de quando ir pra um lugar de carro, voltar com o seu carro e nao de carona; ii)a dúvida q eu tinha qnt a nossa colega morar ainda em sabará se foi qnd vc foi lá pessoalmente conferir, e viu q ela morava em belo horizonte. Obrigado!

-Uirá: deixa de ser virgem Sapo Cego. Isso ta te fazendo mal.